5 coisas a ter em mente ao contratar um web designer

5 coisas a ter em mente ao contratar um web designer

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br


Atualmente, uma página da Web é tão importante, ou até mais, do que ter um ponto de venda físico e uma vitrine. Apenas pense que 55% da população usa a Internet, portanto, no ciberespaço, existe um mercado passivo para milhares ou milhões de pessoas.

Para aproveitar todos os benefícios que a rede oferece, como imediatismo, eliminando a barreira do horário comercial ou da distância, é necessário ter um bom site. É por isso que hoje lhe daremos 5 pontos que ajudarão você a escolher um bom web designer.

O que faz um web designer?

Como se costuma dizer, as primeiras coisas primeiro. Um web designer é responsável por dar vida ao seu site online. Ou seja, é responsável pelo planejamento em papel do mesmo e sua programação com códigos e design visual.

Em resumo, ele é o arquiteto e artista que moldará seu site, permitindo que ele atenda às suas expectativas e atenda às necessidades do mercado. É por isso que saber escolher um bom web designer é tão importante.

Onde posso escolher um web designer?

Comparado a anos atrás, encontrar um web designer agora é muito mais fácil. Não há mais apenas aqueles que trabalham em grandes empresas ou agências encarregadas dessa tarefa; também existe o mundo dos freelancers. E é precisamente este último que é uma boa área de oportunidade para encontrar o melhor.

Leia Também  As 6 chaves da Comunicação Pública que triunfa hoje

Basta digitar a palavra web designer freelancer na internet para encontrar um grande número de opções em diferentes plataformas freelancers. É aqui que as 5 dicas que já lhe daremos se aplicam, pois você pode usá-las como filtros para encontrar a melhor.

Os 5 pontos que você deve levar em consideração.

1) O tipo de projeto

Antes de procurar um web designer, você deve primeiro definir o que deseja para o seu site. Você está pensando em abrir uma loja online? É apenas uma página informativa? Como você quer que pareça? O que seu mercado procura nele?

Além disso, você deve esclarecer se é um novo site ou novo design, pois isso influenciará o processo a ser seguido e o custo e o tempo. Se você não tiver todas as respostas, não se preocupe, os designers também podem ajudá-lo a encontrá-las.

2) A experiência do designer

A experiência influenciará bastante a qualidade e o design em si. E, embora tenhamos de dar uma oportunidade a novos talentos recém-formados, um designer com uma longa história oferecerá resultados de qualidade muito mais alta.

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br

Uma boa maneira de saber se o web designer é experiente ou não é perguntar sobre o portfólio de designs de logotipos, isso no campo do design de imagens. Por outro lado, podemos perguntar sobre seu portfólio de sites ou histórias de sucesso para descobrir outra perspectiva de seu trabalho.

3) Ouça o seu mercado

Você se lembra que no ponto 1 conversamos com você sobre o seu mercado? Isso é muito importante, pois uma empresa deve pensar em projetar o site que seu mercado precisa, não o site que você deseja ter.

Muitas vezes, cai no erro de não cumprir esse ponto, pois muitas empresas adicionam o que gostariam de mostrar, mas não o que seus usuários estão procurando. Lembre-se de que você deve cumprir as características básicas, como oferecer informações úteis e relevantes, atender a uma necessidade ou facilitar a navegação no site.

Leia Também  Como divulgar seu evento na mídia (inclui comunicado à imprensa)

4) O orçamento

Embora o dinheiro tenha um papel importante, o ideal é pagar por um serviço que atenda ao nosso orçamento. Os especialistas recomendam não colocar o preço como um fator decisivo, mas sim analisar a relação custo / benefício ou preço / qualidade, a fim de escolher um web designer.

A primeira coisa que você deve saber é que existem para todos os orçamentos; portanto, não importa se você tem um orçamento muito grande ou muito pequeno, pode ter seu site. Além disso, leve em consideração que o design não é o único custo, você também precisará pagar pelo domínio, hospedagem, etc.

5) Testes e mudanças

É muito provável que você não fique satisfeito com seu site pela primeira vez, isso porque sempre há pequenos detalhes que precisam ser modificados. É por isso que você deve prestar muita atenção ao número de alterações incluídas no custo do serviço do web designer.

O mais comum é ter de 2 a 3 alterações no site, portanto, você deve perguntar quantas alterações pode fazer antes de contratá-lo. Para tornar esse processo mais eficiente, preste muita atenção às versões de avaliação que o web designer fornecerá.

Faixa bônus: Isso pode ajudá-lo

· O serviço de hospedagem

Não basta criar um site, ele deve estar hospedado em algum lugar para estar disponível online. O serviço responsável por colocar sua página online, hospedando-a em um servidor, está hospedando.

Saber como escolher uma pode ser um pouco complicado no começo, embora se tirarmos proveito de todas as ferramentas digitais, como fóruns e análises, escolher a melhor será mais fácil. Leve em consideração que a hospedagem influencia pontos como velocidade de carregamento, disponibilidade, confiabilidade etc.

Leia Também  Melhores taxas de CD do banco em abril de 2020



cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br